Ilhabela será sede da Copa São Paulo de Futebol Júnior pelo segundo ano consecutivo

O prefeito de Ilhabela, Toninho Colucci, comemorou a escolha da cidade para a realização do campeonato. “A Copa São Paulo é uma vitrine para os jovens jogadores brasileiros e fico feliz em ver novamente Ilhabela como uma das sedes da competição, que além de revelar novos craques também proporciona mais um ótimo espaço de divulgação do nosso município”, disse o prefeito, que lembrou do trabalho desenvolvido pelo ex-chefe de Gabinete, Cezar De Tullio, junto à Federação Paulista de Futebol para a vinda da competição no início do ano

O prefeito de Ilhabela, Toninho Colucci, comemorou a escolha da cidade para a realização do campeonato. “A Copa São Paulo é uma vitrine para os jovens jogadores brasileiros e fico feliz em ver novamente Ilhabela como uma das sedes da competição, que além de revelar novos craques também proporciona mais um ótimo espaço de divulgação do nosso município”, disse o prefeito, que lembrou do trabalho desenvolvido pelo ex-chefe de Gabinete, Cezar De Tullio, junto à Federação Paulista de Futebol para a vinda da competição no início do ano

Mais uma vez Ilhabela será sede da maior competição esportiva de categoria de base do futebol brasileiro: a Copa São Paulo de Futebol Júnior. Em sua 46ª edição, o campeonato terá 104 equipes de todo Brasil, divididos em 26 sedes, sendo 24 no interior do Estado e duas na capital.

Na última sexta-feira (14/11), a Federação Paulista de Futebol (FPF), divulgou as sedes e os grupos da competição. Pelo segundo ano consecutivo, Ilhabela será sede da Copinha. Criciúma (SC), Vila Nova (GO), Guarani (SP) e São José (RS) formarão o grupo U do torneio e farão seus jogos no estádio municipal, no bairro do Itaquanduba. Na manhã desta segunda-feira (17/11), representantes da Federação Paulista de Futebol visitaram Ilhabela e conferiram as condições estruturais do estádio.
O prefeito de Ilhabela, Toninho Colucci, comemorou a escolha da cidade para a realização do campeonato. “A Copa São Paulo é uma vitrine para os jovens jogadores brasileiros e fico feliz em ver novamente Ilhabela como uma das sedes da competição, que além de revelar novos craques também proporciona mais um ótimo espaço de divulgação do nosso município”, disse o prefeito, que lembrou do trabalho desenvolvido pelo ex-chefe de Gabinete, Cezar De Tullio, junto à Federação Paulista de Futebol para a vinda da competição no início do ano.
O secretário de Esportes, Flávio César, disse que mais uma vez Ilhabela proporcionará a estrutura necessária para jogos, treinamentos e hospedagem dos atletas e comissão técnica. “Fizemos um bom trabalho na primeira edição e a Federação Paulista de Futebol decidiu, mais uma vez, realizar a competição em Ilhabela. Temos uma estrutura excelente. Os atletas irão aprovar a hospedagem, os campos para treinos e jogos. As finais do Campeonato Municipal serão realizadas neste fim de semana e depois vamos concentrar os nossos esforços para este importante torneio de categorias de base. Estamos preparados para receber a Copinha”, disse o secretário de Esportes, Lazer e Recreação, Flávio César.
Ao todo, em janeiro deste ano, Ilhabela recebeu sete jogos da Copinha, sempre com ótimo público no Estádio Municipal, no Itaquanduba. Portuguesa, Bahia, Asa de Arapiraca e Comercial ficaram na cidade. Os campos do Polo de Educação Integrada de Ilhabela, o PEII, na Barra Velha, e o campo do Portinho, no sul da Ilha, serviram como locais de treinamento das delegações.
A Prefeitura de Ilhabela tinha a responsabilidade de organizar a primeira fase da Copinha, mas foi adiante. Como líder do Grupo U, com 7 pontos, a Portuguesa decidiu ficar em Ilhabela e disputou com o Grêmio Osasco uma vaga para as oitavas de final da competição. O público que acompanhou os jogos da Copinha no Estádio Municipal, no Itaquanduba, viu, ao todo, 19 gols marcados, média de 2,7 por partida.
Foto: Divulgação/PMI

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*

Protected by WP Anti Spam