Vereador Reis (PSB) pede liberação dos loteamentos na Praia de Boracéia em São Sebastião

O embargo judicial em Boracéia, que afeta toda a comunidade, foi tema de trabalho na primeira sessão do ano. Além de apoio da administração para resolver o problema junto ao Ministério Público, pedi informações da Prefeitura sobre a continuidade das obras de pavimentação na avenida Mãe Bernarda, em Juquehy, na Rua Tijucas, no Sertão do Cacau, e das obras do PAC 2 como a Francisco Scarpa, em Boiçucanga

O vereador José Reis solicita a intervenção da Prefeitura no processo que embargou as obras dos loteamentos Boracéia I e II, por suspeita de dano ambiental e invasão à Terra Indígena Ribeirão Silveira.

O assunto foi abordado em requerimento aprovado na última sessão da Câmara.
Reis explica que a suspensão deve durar até o final do processo de regularização ambiental dos loteamentos, que agora tramita no Super Tribunal Federal, e foi uma recomendação do Ministério Público Federal (MPF) feita à Cetesb e à Prefeitura.
Além do embargo, segundo o vereador, o MPF recomendou que não fosse autorizada nenhuma obra nos loteamentos, incluindo instalação de rede elétrica e de esgoto. “Vários serviços públicos essenciais estão impedidos de serem oferecidos à população”, lamenta Reis.

Video do vereador Reis na Camara Municipal de São Sebastião
Foto: Divulgação/CMSS

Subscribe to Comments RSS Feed in this post

2 Responses

  1. E a praia da jureia continua esquecida pelas autoridades, mas os impostos continua chegando, mais de 20 anos lutando contra o desembargo.

  2. E a praia da jureia continua esquecida pelas autoridades já faz mais de 20 anos de desembargo, mas o iptu continua chegando.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*

Protected by WP Anti Spam